Ficha Técnica

Turismo
Modalidade: Presencial
Grau: Bacharelado
Ato de criação: Resolução n° 14 de 24/09/1987 CONSEPE.
Projeto Pedagógico do Curso
Resoluções UFMA posteriores:
Resolução n° 326 de 2003 CONSEPE;
Resolução n° 660 de 2009 CONSEPE;
Resolução n° 905 de 2012 CONSEPE;
Reconhecimento: Portaria n° 1.847 de 29/12/1994 MEC DOU
Integralização: 8-12 semestres
Vagas: 80 anuais
Turno: Matutino
Carga horária mínima MEC: 2.400 horas.
Carga horária mínima UFMA: 2.985 horas.
Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes – ENADE: 3
Guia do Estudante
Colegiado de Curso:
Portaria CCSo Nº 006/2016-DIRDesigna os Membros do Colegiado de Curso
Núcleo Docente Estruturante – NDE:
Resolução Nº 856 de 30/08/2011 CONSEPE
Portaria CCso Nº 009/2016-DIRDesigna os Membros do NDE
Informações (98) 3272-8442/8441


Objetivo Geral

  • Formar o profissional de turismo para atuar nas áreas de planejamento e gestão das atividades e das empresas relacionadas ao turismo e ao lazer, através do estudo e pesquisa da influência de variáveis sócio-culturais, naturais e econômicas que interferem na dinâmica do setor turístico.

Objetivos Específicos

  • Formar profissionais comprometidos com a qualidade e responsabilidade das ações desenvolvidas no planejamento e gestão dos recursos naturais e culturais de interesse turístico, levando em consideração os preceitos éticos da profissão;
  • Proporcionar aos profissionais o conhecimento e a capacidade de análise crítica necessários para atuar no planejamento e gestão das diversas empresas que compõem o mercado turístico;
  • Capacitar o profissional para atuar na área de pesquisa científica, produção e repasse do conhecimento, promovendo a interação com a realidade social e econômica.

O Bacharel em Turismo Egresso da UFMA

Exercer as seguintes atividades:

  • Participar na elaboração e execução das políticas de turismo nacional, estadual e municipal;
  • Elaborar, analisar e operacionalizar planos, programas e projetos de desenvolvimento turístico nacional, estadual e municipal;
  • Planejar o uso sustentável dos recursos turísticos naturais e culturais;
  • Desenvolver as atividades do Programa Nacional de Municipalização do Turismo;
  • Determinar e analisar os impactos provocados pela atividade turística, propondo alternativas para maximizar os positivos e minimizar os negativos;
  • Elaborar inventários da oferta turística, identificando as oportunidades de negócios e de desenvolvimento turístico de núcleos;
  • Desenvolver campanhas de marketing turístico para núcleos e empresas do setor;

Quer saber mais? Acesse o Perfil do Turismólogo.